COMUNICADO OFICIAL

Publicado em: 28/11/2017 18:27

A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) vem publicamente esclarecer sua posição em relação aos fatos referentes a participação do número de atletas com direito a voz e voto na alteração estatutária do Comitê Olímpico do Brasil (COB).

Em reunião prévia sobre as alterações estatutárias do COB, foram apresentadas as modificações e estipulado um prazo para que as Confederações pudessem propor novas sugestões para implementação dessas alterações. Por não termos recebido nenhuma informação de novas sugestões, entendemos que tudo que previamente havia sido apresentado estaria aprovado sem modificações. A nossa compreensão era de que a comissão que elaborou essas modificações tinha bases suficientes de dados para a efetivação e justificativas sobre qualquer inconsistência a ser debatido na AGE. Porém, fomos surpreendidos com uma nova proposta apresentada, informando a pouca participação da comissão dos atletas na eleição da sua representatividade que antes incluía de 12 (doze) atletas com direito a voto no COB – atletas que obtiveram menos de 10 (dez) votos dentro da sua própria comissão – além de uma participação abaixo de 30% dos seus filiados.  

Em nenhum momento a CBV quis ser contra a participação efetiva dos atletas no processo de modernização esportiva nas instituições, principalmente na eleição do COB, tendo em vista que a própria CBV já incluiu no seu estatuto a participação com direito a voz e voto dos atletas e dos clubes. Essa interpretação iria na contramão de todas as readequações internas implementadas na CBV, buscando maior transparência e a participação de todos os segmentos que envolvem o voleibol brasileiro.

Portanto, a CBV, considerando o posicionamento das comissões dos atletas de vôlei e as manifestações por anseio de mudanças de todos os segmentos envolvidos no esporte brasileiro, resolve reconsiderar o seu voto e manifestar que esta Confederação, através do Presidente Walter Pitombo Laranjeiras e do Vice-Presidente Neuri Barbieri, declara oficialmente que apoiará o COB na próxima AGE com a inclusão dos 12 atletas na sua reforma estatutária.

Esclarecemos mais uma vez que a Confederação Brasileira de Voleibol sempre estará aberta a modernização. Que esta experiência nos faça refletir que os debates e diálogos com a participação efetiva de todos os segmentos da sociedade é importante e decisiva para implantação de qualquer reforma.
Atenciosamente
 
WALTER PITOMBO LARANJEIRAS
Presidente CBV
 


Parceiros Oficiais